Os pais Ian e Brittani McIntire da cidade de Kansas não esperavam a nova gestação e ficaram mais surpreendidos ainda com a notícia de que seriam gêmeos. Após a descoberta a emoção foi trocada por preocupação com um dos bebês que chamam de Mason. A família descobriu que que Mason tem uma deformação no cérebro e um buraco no coração.O bebê também não tem ganhado muito peso, enquanto sua irmã gêmea Madilyn tem quase 1 kilo Mason pesa apenas 255 gramas, sendo assim seu desenvolvimento será comprometido.  A mãe Brittani disse que a única forma de Mason sobreviver, seria fazendo uma cirurgia no coração, mas os médicos não querem realizar devido á má-formação no cérebro de Mason. Diante de tanta aflição e sentimento de impotência uma imagem emocionou a todos da família.No último ultrassom a mão fina e pequenina de Mason é segurada pelos dedos de sua irmã Madilyn.  A médica que realizava o ultrassom informou aos pais que este não é um comportamento comum dentro do útero entre os bebês. A mãe emocionada disse: “Geralmente eles ficam se batendo e chutando, mas ela está protegendo ele” e ainda completou, “Eu sei que vou cuidar dele, mas agora ela é a única que pode realmente estar lá segurando a mãozinha dele.Então é confortante saber que não importa o que acontecer Mason não estará sozinho” O amor de irmão é poderoso e pode sempre ser reconfortante.BeijosCacau Prado